;

Associação Portuguesa para o Estudo da Dor e a Fundação Grünenthal promovem anualmente o Prémio Jornalismo

A Associação Portuguesa para o Estudo da Dor e a Fundação Grünenthal, doravante designadas como Entidade Promotora, criaram um Prémio de Jornalismo, com o objetivo de incentivar e reconhecer o interesse e qualidade dos trabalhos jornalísticos em Língua Portuguesa, na área da DOR.

O prémio destina-se a todos os jornalistas, com carteira profissional válida, residentes em Portugal continental e Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores.

O valor total do prémio é de 3.000 euros. Será entregue um Primeiro Prémio, ao melhor trabalho a concurso, no valor de 2.000 euros, e um Segundo prémio, ao segundo melhor trabalho a concurso, no valor de 1.000 euros.

Trabalhos Premiados

9ª Edição (2020/2021)

Primeiro Prémio

Trabalho:
“O Diagnóstico: COVID‐19”

Autor:
André Carvalho Ramos

Segundo Prémio

Trabalho:
“A longa estrada pós‐covid”

Autora:
Vânia Maia